02/10/2018

2 dias em Sydney

Sydney, ao contrário do que muitas pessoas pensam, não é a capital da Austrália. Mas, ainda assim, é um dos principais destinos turísticos do país, uma cidade portuária com muitas praias e atrações inesquecíveis. Montamos um roteiro de dois dias por lá, veja abaixo:

Dia 1
Comece explorando o porto de Sydney e seus arredores. Esta região movimentada reúne alguns dos principais pontos de interesse dos viajantes. As ruas de paralelepípedo, conhecidas como The Rocks, são um charme! Nos finais de semana, aproveite para fazer compras na feirinha.

Depois, é hora de conhecer a Harbour Bridge, um dos cartões postais da cidade. Você pode simplesmente atravessá-la ou, se preferir uma boa aventura, escalá-la! Claro que isso só pode ser feito com uma empresa, ok? Se quiser aproveitar ainda mais a vista, pode subir na ponte no nascer ou pôr do sol.

Parta para o zoológico Taronga, que abriga 2.900 espécies como gorilas, tigres, leopardos, girafas e os típicos cangurus e coalas. Este zoológico ainda oferece a oportunidade de dormir por lá em uma experiência diferente, chamada Roar & Snore.

A Opera House não pode ficar de fora do roteiro. Você pode conhecer os bastidores da casa e ver de perto seu funcionamento e, é claro, encerrar seu dia assistindo a um show por lá.

Dia 2
Dia de pegar uma praia australiana! Você vai entender porque tantos australianos têm cara de surfista, com o cabelo claro de sol e pele bronzeada. Bondi Beach é uma das mais badaladas, com areia dourada e águas muito azuis. Por lá, as ruelas guardam lojas e cafés descolados. Aos domingos, rola o popular Bondi Beach Market, uma feirinha local. Nas proximidades estão Tamarama e Coogee, com um cenário diferente, de penhascos cheios de curvas esculpidos pelo mar.

Outra opção bem popular é ir a Manly, um subúrbio à beira-mar, e curtir uma paisagem litorânea animada, com bares ao ar livre e muitos barcos. Para chegar até lá, o melhor é pegar uma balsa no porto. Dá para ir caminhando até Shelley Beach, lugar perfeito para um piquenique, Cabbage Tree Bay, famoso ponto de mergulho, ou Fairy Bower Beach, bom lugar para um passeio de bike.

À noite, tudo depende do que você quer fazer: Walsh Bay é o reduto cultural da cidade, e tem a Companhia de Teatro de Sydney, a Companhia de Dança de Sydney e a Companhia de Dança Baranga; se você estiver animado, vale a pena conhecer algum dos pubs de Glebe, Newstown ou Balmain; já para os foodies, a pedida é o Potts Point, um subúrbio com arquitetura Art Déco e os cafés e restaurantes mais disputados do destino.